Psicologia

Tamanho da letra

Como Funciona Nossa Psiquê

“Como Funciona Nossa Psiquê”

A partir de Freud, o ser humano começou a se entender mais, e com o trabalho de Jung e de Moreno, facilitou-se ainda mais esta compreensão. Freud, ao estudar nossas doenças mentais, percebeu que temos um lado instintivo e inato que nasce com a própria existência e nesta análise, foi elaborando a Teoria Estrutural da Mente, assim definida: ID = instinto, não se tem controle, busca da satisfação. EGO = vive as experiências do real, do momento presente.

• SUPEREGO = é o equilibrador, a censura, o que põe limite, se estrutura a partir do fechamento do Édipo.

Antes de formular esta estrutura, Freud já notara, que a nossa mente funciona da seguinte maneira, e o chamou de Teoria Topográfica da Mente.

• INCONSCIENTE = parte nebulosa da mente, quase não temos acesso, aspectos primitivos do ser.

• PRÉ-CONSCIENTE = intermediário entre as partes, leva informações de um lado ao outro, neste aspecto da mente, nós temos acesso.

• CONSCIENTE = o eu real, sei e vivo.

Este conhecimento trazido por Freud, deu início a uma ciência do comportamento conhecida como Psicanálise, que visava ajudar o indivíduo, entender o que de real aconteceu, na sua história passada e se libertar da dor e do sofrimento.

Mais para frente surgiu K.G. JUNG, que inicialmente foi parceiro e discípulo de Freud, que encontrou seu próprio caminho, e ele, uma pessoa mística, desenvolveu uma teoria fantástica, a do INCONSCIENTE COLETIVO, onde afirma que temos na nossa mente, fragmentos de todas as histórias de vivências de cada ser humano.

Na década de 20, apareceu outro ser genial, Moreno, e que trouxe uma outra teoria do comportamento, que veio dar o nome de Psicodrama. Para ele nós todos vivemos papéis psicodramáticos e os dividiu da seguinte maneira:

INGERIDOR (0/3 meses) fase da oralidade, o bebê aprende tudo pela boca, tudo que percebe, é como se fosse um conteúdo interno, então, precisa colocar dentro de si. - Nesta fase temos em média 600 mamadas - 750 trocadas de fraldas e cerca 180 banhos - aqui aprendemos o contato com o mundo, o toque, o carinho a proteção.

DEFECADOR (3/8/12meses) formação do esfíncter anal, onde a criança começa a reter e controlar as suas fezes. Nesta fase a aceitação do nosso primeiro produto, o cocô, é de fundamental importância, para nossa segurança pessoal, e imagem que teremos de nós mesmos.

URINADOR (8/12/24 meses) formação do esfíncter da bexiga, onde a criança começa a reter o xixi. Já anda, descobre o mundo e começa o entendimento do limite. Normalmente, os adultos ou tudo permitem ou nada permitem, e grande parte dos medos dos nossos pais são passados para nós quando começamos a enfrentar o mundo.

A Psicologia Transpessoal, veio para nos ajudar a compreender que trazemos para nosso dia-a-dia os conteúdos da memória extracerebral (conteúdos desenvolvidos antes deste nascimento) que estão presentes em todos nós, nos influenciando de maneira decisiva em nossas escolhas. O modelo desenvolvido para entendermos esta nova teoria foi:

SUBCONSCIENTE = arquivo de todas experiências vividas, nesta ou outras vidas e que quando é acionada, devolve todas as informações armazenadas.

CONSCIENTE = meu momento presente, o real, o que vivo agora, tudo que vivo, mando para o arquivo e lá fica à minha disposição, bastando ser acessado. Veja quanto é importante nutrir com conteúdos positivos este Consciente, pois é como um bumerangue. Vai e volta.

SUPERCONSCIENTE = é meu EU SUPERIOR, meu CRISTO INTERNO, é na minha mente a presença de DEUS EM MIM. Quando tenho contato com esta minha parte da mente, sou verdadeiramente feliz. Estou em harmonia com o universo. Poucas vezes consigo acessar o Super Consciente, pois fico sempre na falta de paz e harmonia, entre o Subconsciente e Consciente. Quando mantenho meu Consciente em tranqüilidade e aceitação de mim mesmo, abro a porta do Superconsciente.

Assim sendo, volto a chamar a atenção de todos de como é importante decidir agora o que penso, melhorar meu nível de pensamentos, ser amoroso com a vida, com as pessoas, parar de reclamar e de se sentir vítima e coitadinho.

Sendo assim, você está sendo apenas um chato, um ser desagradável e seu caminho do equilíbrio, é de aprender a se pegar no colo, ser seu próprio pai, sua própria mãe, aprender a se nutrir, não esperar mais nada dos outros; você, fazer suas coisas por você, aprender a ser livre, a ser independente e feliz!





Texto de Irineu Deliberalli - Psicólogo


© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 
IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380
Artigos Relacionados
:.
:.
:.
:.
:.
Comentários