Saúde

Tamanho da letra

Terapias contra a insônia

Diversas terapias podem ajudar quem deseja se livrar da tão temida insônia. Os médicos aconselham que se durma um mínimo de oito horas diárias, pois uma noite tranqüila é como recarregar as baterias para o dia seguinte. Quando se começa a sofrer de insônia, é comum que se recorra a soníferos. Porém, além desses medicamentos prejudicarem a saúde e causarem dependência, eles não atacam as causas da falta de sono.

Aqui você vai conhecer algumas terapias naturais contra a insônia:

Agenda do Sono

É uma terapia que ajuda a controlar o ritmo natural do sono. Destina-se a pessoas que sofrem de insônia sem causa aparente, motivada, por exemplo, por acontecimentos especiais, como recentes hospitalizações, nascimento do bebê, problemas de ordem familiar ou profissionais. Ou seja, pessoas que têm dificuldade pegar no sono ou que acordam freqüentemente à noite.

A terapia do sono tem uma duração de 8 a 12 meses e pretende criar novos hábitos e disciplina para o organismo. São basicamente cinco conselhos: deitar-se só quando tiver sono, levantar-se assim que acordar pela primeira vez pela manhã ( assim terá sono mais cedo à noite), levantar-se de manhã sempre à mesma hora e evitar fazer sesta. Se não conseguir dormir, levante-se e leia um livro numa sala pouco iluminada e muito silenciosa.

Fototerapia

Como o nome diz, é um tratamento pela luz. Sua duração é de 10 dias. Geralmente, é indicado para pessoas que se levantam tarde e se sentem muito cansadas ao longo do dia. Consiste na exposição diária, de cerca de uma hora, a uma luz forte, branca, sem infravermelhos ou ultravioletas. O paciente deve, no entanto, falar com seu médico para que este aconselhe quanto ao tempo de exposição adequado, evitando assim, danos na retina.

Controle da Respiração

Esse método usa a respiração para se alcançar um relaxamento. Depois, o paciente deve recordar ou imaginar acontecimentos agradáveis. Esta terapia dura de 10 a 15 sessões e requer 10 a 15 minutos de treino diário. É ideal para aquelas pessoas que se deitam e começam a pensar em mil coisas.

Cronoterapia

Esta terapia existe há 20 anos e consiste em atrasar, gradativamente, os horários de dormir e acordar. É ideal para reformular o horário dos notívagos, mas deve ser acompanhada por um médico. Assim, uma pessoa que tenha por hábito deitar-se às 3 horas da madrugada, é aconselhada a deitar-se às 6 e levantar-se às 14, depois deitar-se às 9 e acordar às 17... Uma semana mais tarde, este paciente fica com o horário de deitar-se às 23 e levantar-se às 7 horas da manhã, chegando finalmente ao horário pretendido. Este último horário, terá que permanecer rígido e inalterável durante, no mínimo, um mês.




Texto de: Othon Smith


© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2018
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 
IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4411-6380
Artigos Relacionados
:.
:.
:.
:.
:.
Comentários