Corpo e Mente
Rapidinhas
Atibaia - cidade dos morangos
Procurando terapias leia o Jornal O Legado
Ponto de ônibus do Lago do Major é pichado em ato de discriminação racial

Ponto de ônibus do Lago do Major é pichado em ato de discriminação racial

Guarda Civil Municipal, que recentemente já deteve pichadores do letreiro “Eu amo Atibaia”, está investigando a ocorrência

 


Em um momento em que a humanidade enfrenta uma pandemia global, merece destaque a importância da consciência coletiva, da percepção sobre a interferência e a responsabilidade de cada um em um mundo compartilhado por todos. Nesta quarta-feira (24), no entanto, justamente na data em que Atibaia celebrou 355 anos de história com inúmeros motivos para a população se orgulhar, um ato de vandalismo e discriminação racial em um ponto de ônibus do Lago do Major – lugar que ostenta algumas das inúmeras belezas do município – mostra que, lamentavelmente, ainda há quem esteja fora de sintonia, propagando o ódio e agindo contra a própria cidade que o acolhe.

A pichação no local foi feita sobre a imagem de um menino e, em virtude do conteúdo escrito em sua testa, “sou ladrão e vacilão”, e ainda diante da cor de sua pele, configura discriminação racial. O ato de vandalismo fez uma referência direta a um episódio de projeção nacional, ocorrido em São Bernardo do Campo/SP, em julho de 2017, quando um jovem suspeito de tentar furtar uma bicicleta teve a frase “eu sou ladrão e vacilão” tatuada na testa. À época, o crime foi cometido por dois homens, presos em flagrante por tortura.

A Prefeitura da Estância de Atibaia, atuando dentro das prerrogativas do Poder Público Municipal, providenciará a limpeza ou substituição do painel pichado e está investigando o caso em busca de responsabilizar os criminosos. Conforme a Lei Federal nº 9.605/98 (e alterações), é crime pichar ou por outro meio sujar/manchar edificação ou monumento urbano; e, de acordo com a Lei Federal nº 7.716/89 (e alterações), é crime praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional.

Vale lembrar que no último dia 15 de junho o letreiro “Eu Amo Atibaia”, localizado no estacionamento do Centro de Convenções e Eventos Victor Brecheret, amanheceu vandalizado, com pichações em duas de suas letras. Na ocasião, ainda no próprio dia 15, após trabalho de inteligência do Centro de Operações de Inteligência – COI um grupo de cinco pichadores, atuando em dois pontos distintos da cidade, foi localizado e detido pela Guarda Civil Municipal. Além da responsabilização dos autores, a Prefeitura também providenciou a imediata limpeza do monumento, restabelecido no mesmo dia.

Outras ocorrências contra o patrimônio público também já foram registradas recentemente pela cidade e a Prefeitura, por meio da Secretaria de Segurança Pública, com o trabalho da Guarda Civil Municipal, de forma conjunta com o Gabinete de Gestão Integrada de Segurança Pública – GGI Atibaia, tem buscado coibir os atos de vandalismo, evitando que sejam realizados, ou então identificar e punir com rigor quem os pratique. As forças de segurança continuam de prontidão para agir em caso de necessidade, mas a Administração Municipal lamenta que as equipes tenham que ser deslocadas para atendimento desse tipo de ocorrência, sobretudo neste período de enfrentamento ao Coronavírus, que exige atenção e atuação redobradas do Poder Público.

© É proibida a reprodução, cópia, republicação, redistribuição e armazenamento por qualquer meio, total ou parcial © Copyright 1992 a 2020
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações relacionadas à saúde, contidas em nossos sites, tem caráter informativo, cultural e educacional. O seu conteúdo não deverá ser utilizado para autodiagnóstico, autotratamento e automedicação. Nossos conteúdos são formados por autores independentes e assessorias de imprensa, responsáveis pela origem, qualidade e comprometimento com a verdade da informação. Consulte sempre um profissional de saúde para seus diagnósticos e tratamentos ou consulte um profissional técnico antes de comprar qualquer produto para sua empresa.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As informações publicadas, nos sites/portais, são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião da
 IAOL - Integração Ativa On-Line Editora Ltda. (11) 4418-6150

Autoria

Texto de Secretaria de Comunicação Prefeitura de Atibaia - 26-06-2020

Artigos Relacionados